Loading...

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Preço da cesta básica cai em 14 capitais, mostra Dieese

Fonte: Agência Brasil


O preço da cesta de itens de alimentação apresentou queda, em abril, em 14 das 17 capitais onde o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) fez a Pesquisa Nacional da Cesta Básica. As maiores reduções foram observadas em Salvador (-7,87%), Recife (-3,69%) e Aracaju (-3,36%). Os aumentos de preços ocorreram em Porto Alegre (1,34%), Florianópolis (0,91%) e São Paulo (0,35%).

O custo da cesta básica em São Paulo ficou em R$ 268,52. Em Porto Alegre, o preço chegou a R$ 264,63 e em Vitória, a R$ 256,12. As cidades onde a cesta ficou mais barata são Aracaju (R$ 185,88), João Pessoa (R$ 198,79) e Recife (R$ 202,03).

No acumulado dos quatro meses do ano, houve aumento de preço em 15 das 17 localidades, com as maiores variações em Brasília (6,27%), Florianópolis (6,05%), Vitória (5,83%). Em seguida aparecem Aracaju (5,69%) e o Rio de Janeiro (5,15%).

Nos últimos 12 meses, a maior variação ocorreu em Goiânia (14,87%). Logo depois vêm Fortaleza (13,57%), Florianópolis (5,37%) e Vitória (4,94%). Já as quedas mais significativas foram registradas em Salvador (-7,55%) e Recife (-5,80%).

O produto que mais influenciou a queda dos preços da cesta, em abril, nos locais pesquisados foi o tomate, com alta apenas em Porto Alegre. Em 13 localidades analisadas, a queda foi superior a 10%. A batata, pesquisada em nove capitais, teve alta em todas as localidades. A maior foi em Curitiba (43,41%) e só em Goiânia o aumento foi menor do que 10% (9,09%).

A carne teve alta em nove cidades, sendo a maior em Natal (2,82%), e redução em oito, com destaque para Porto Alegre (-1,65%). O arroz registrou aumento em Natal (1,72%) e em Salvador (1,62%), mas em 11 cidades a variação foi negativa, com as maiores quedas no Rio de Janeiro (-4,98%), em Porto Alegre (-4,49%) e Brasília (-4,26%).



Nenhum comentário:

Postar um comentário